Concursado pode ter empresa? 

Concursado pode ter empresa

Compartilhe nas redes!

Imagens 00006 - Maia Almeida

Ser concursado e poder ter os benefícios de um cargo público é o sonho de muitos brasileiros, seja pelo salário ou estabilidade. Mas será que concursado pode ter empresa?  

Se você é concursado e pensa em empreender, ou se é empreendedor e está ingressando em cargo público, fique atento, pois existem algumas limitações e pode ser necessário se adequar. 

Existem três esferas possíveis para um concursado atuar: esfera federal, estadual e municipal. Cada uma delas tem regras  e algumas restrições específicas sobre o regime jurídico. 

Imagens 00007 - Maia Almeida

Concursado pode ter empresa sob condições específicas 

Concursado pode ter empresa? Afinal, como funciona a relação entre funcionário público concursado e participação paralela em empresa privada? Calma, vamos te explicar todos os detalhes. 

Primeiro é preciso esclarecer que o concursado é a pessoa nomeada para trabalhar dentro da administração pública, normalmente prefeituras, escolas, hospitais ou qualquer tipo de entidade ou organização gerenciada pelo governo e que ingressou por meio de um edital. 

Estes profissionais possuem leis estatutárias que regulamentam as obrigações e direitos, salários, benefícios e tudo que norteia as obrigações da sua função no órgão público, seja ele no âmbito federal, estadual ou municipal. 

Concursado pode ter empresa, mas é preciso observar algumas peculiaridades inerentes de cada tipo de função e de acordo com a esfera de atuação do cargo público que ocupa. 

Concursado a nível federal 

A Lei 8112/1990 regulamenta os direitos e deveres dos funcionários públicos que atuam na esfera federal e o artigo 117 explícita em sua redação que estes funcionários estão proibidos de participar de empresas como gerência ou administração. 

Assim, entende-se que estes indivíduos não estão totalmente barrados da participação em sociedade privada, desde que não atuem nestes papéis. A alternativa é a colaboração de capital. 

A colaboração de capital os enquadra como sócios ou acionistas. Desta forma, ainda que a lei impeça a atuação gerencial ele ainda pode participar como parte do conselho fiscal ou administrativo. 

Importante ressaltar que isso por consequência limita a possibilidade de determinados enquadramentos ao abrir seu negócio. Por exemplo, o funcionário público federal não pode ser MEI (Microempreendedor individual), 

Isso é compreensível, uma vez que o MEI é caracterizado por ser um regime que o empreendedor é diretamente ativo no negócio e  responsável pela administração. 

Mas ele poderia participar sem maiores problemas de uma empresa de sociedade limitada, sendo esta uma opção segura para o funcionário público que deseja empreender. 

A Portaria Normativa n°6 de 15 de junho de 2018 traz em sua redação que não é considerado exercício de gerência ou administração a participação em sociedade privada na qualidade de acionista ou cotista. 

Concursado público a nível estadual ou municipal 

Concursado pode ter empresa mesmo que seja funcionário a nível estadual ou municipal. Entretanto, ao contrário do funcionário a nível federal, não existe uma lei única. 

Para estes casos é preciso proceder com a consulta ao estatuto do Estado ou Município e verificar quais são as limitações especificadas. Lembrando que é muito comum que elas sejam levemente diferentes de um local para o outro. 

Imagens 00008 - Maia Almeida

O que acontece se um empresário decidir prestar concurso?  

Se um empresário que já possui CNPJ e empresa em seu nome desejar prestar concurso e for aprovado será necessário que no momento da nomeação ele adeque a empresa para as situações que descrevemos acima. 

Portanto, pode ser que ele tenha que passar a ser apenas cotista e deixar as funções essencialmente gerenciais. Isso tudo precisa ser devidamente documentado no contrato social e oficializado na Junta Comercial 

Se você gostou desse conteúdo sobre Concursado pode ter empresa, não deixe de acessar nosso Instagram e acompanhar as informações postadas para gestores, administradores e donos de empresa 

Classifique nosso post [type]

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

Veja também

Posts Relacionados

Porque eu preciso de uma holding

Porque eu preciso de uma holding: Uma holding é uma estrutura específica de várias empresas, mas não uma forma jurídica separadamente.   A estrutura ocorre de

Img 00006 - Maia Almeida

Holding x conflitos familiares 

Holding x conflitos familiares: aqueles que administram uma empresa familiar enfrentam desafios especiais:   A estreita interdependência entre empresa e família significa que disputas familiares, conflitos

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
Muitos médicos optam por abrir o próprio negócio e não…
Cresta Posts Box by CP